Exposição do 10º Seminário Patrimônio Cultural apresenta obras em processo de restauração


O 10º Seminário Patrimônio Cultural | Conservação e Restauro no Século XXI conta com uma exposição sobre o Curso Técnico | FAOP. A exposição dialoga com a formação transdisciplinar dos profissionais de restauro que transitam por conceitos, habilidades, teorias e práticas. A abertura a visitação na Fundação de Arte de Ouro Preto | FAOP na Rua Getúlio Vargas, 185, no Rosário entre os dias 24 a 28 do mês de abril.

A exposição apresentará esculturas entalhadas em madeira, douradas e policromadas, pinturas de cavalete, gravuras e códices que estão em processo de intervenção pelas turmas do Curso Técnico de Conservação e Restauro da FAOP. 

Evidenciando procedimentos em andamento, como limpezas mecânicas e químicas, obturações, reentelamentos, remoções de repinturas e/ou vernizes, banhos químicos, encadernações, nivelamentos e reintegrações cromáticas.

Origem

O Curso Técnico em Conservação e Restauro teve início na década de 70, sendo reconhecido em 2002 pelo Ministério de Educação | MEC, idealizado pelo restaurador Jair Afonso Inácio. Sendo considerado o primeiro curso de formação profissional regular no Brasil, trabalhando com conservação e restauro de bens culturais móveis, como papel, esculturas policromadas e pintura em cavalete.


O 10º Seminário Patrimônio Cultural  tem patrocínio da Gerdau por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.



24/04/2017